AGENDAR CONSULTA

TRATAR A SUA VISÃO

Especializado no tratamento da catarata

ARTIGOS

VISÃO FUNCIONAL – Síndrome de Disfunção da Lente

No olho jovem e saudável, o cristalino direciona adequadamente a luz para o fundo do olho, proporcionando um foco nítido e uma imagem de alta qualidade. Conforme o olho envelhece, o cristalino natural se modifica lentamente. A luz que passa através do cristalino começa a se espalhar sobre a retina. Isto resulta em uma imagem de pouca qualidade e reduz sua capacidade de enxergar em condições variáveis de iluminação, o que também é conhecido como Síndrome de Disfunção da Lente (Disfunctional Lens Syndrome).

No Estágio 1 da Síndrome, o cristalino perde sua flexibilidade e seu poder de acomodação, surgindo a Presbiopia ou Vista Cansada, quando vem a necessidade do uso de óculos para visão de perto.

No Estágio 2, além da Presbiopia, as proteínas do cristalino começam a ser modificadas, causando o fenômeno da dispersão da luz. Antes de modificar a quantidade de visão, este fenômeno causa alteração da qualidade visual, como ofuscamento e dificuldade visual à noite. Com a Visão Funcional reduzida, você pode sentir dificuldades para dirigir sob condições de pouca iluminação e pode se sentir menos confiante em atividades diárias.

No Estágio 3 da Síndrome de Disfunção da Lente, o cristalino fica opaco e vai perdendo a sua transparência de maneira progressiva, quando compromete a qualidade de vida do paciente e aumenta o risco de acidentes. Se o cristalino ficar totalmente opaco pode causar a perda total da visão.

Quando o cristalino transparente do olho começa a ficar opaco, chamamos isto de “catarata”. Ela pode se desenvolver a qualquer momento desde o nosso nascimento, mais frequentemente acima dos 60 anos. Sinais de catarata incluem: visão embaçada, sensibilidade à luz e alterações na maneira com que enxergamos as cores. Estes sintomas também podem ser causados por outros problemas. A única maneira de saber o que está acontecendo com a sua visão é consultar um médico oftalmologista.

Se o seu oftalmologista descobrir que a catarata está causando problemas em sua visão, ele pode sugerir uma cirurgia. A cirurgia de catarata é um procedimento que substitui o cristalino opaco por uma lente nova transparente. Esta é a maneira mais segura e eficaz para resolver o problema. Quanto mais cedo operado, mais segura é a cirurgia. Se o paciente não for operado, a catarata pode causar cegueira.

Geralmente, o cristalino opacificado é removido através de uma microincisão, por Facoemulsificação, que consiste na fragmentação e aspiração do cristalino. Logo em seguida, uma nova lente “intra-ocular” é implantada em seu olho. Depois da cirurgia, o paciente costuma ir para casa no mesmo dia e a visão melhora gradativamente.

Utilizando um avançado sistema óptico e dados de milhares de olhos humanos, engenheiros desenvolveram as modernas lentes intraoculares, capazes de restaurar a performance e qualidade visual semelhante do cristalino jovem. As lentes mais modernas possuem tecnologia que permitem melhorar a visão funcional, possibilitando boa visão para longe e perto, sem necessidade dos óculos ou com reduzida dependência dos óculos.

ARTIGOS

Confira informações para você cuidar bem da sua visão